Kit de distribuição

Selecione seu veículo
1
2
3

Envios grátis

Entregas em 24h

Pessoas com valores

Devoluções grátis

Ordenar por

Preços

Fabricante

Mostrando 1 - 20 de 2984 itens

Pelo próprio movimento do motor é necessário sincronizar a distribuição com o virabrequim.

Enquanto que os pistões se movem verticalmente quando se produz a combustão no cilindro, o virabrequim encarrega-se de transformar esse movimento em circular. E graças ao kit de distribuição, esse movimento circular é aproveitado para activar as diferentes válvulas que controlam a fase de admissão e de escape.

De que peças se compõe o kit de distribuição?

O kit de distribuição é composto fundamentalmente por uma correia de distribuição.

Esta correia dentada é movida pelos pinhões do virabrequim para controlar a polia da árvore de cames, bem como a polia da bomba injectora dos motores diesel e a bomba de água.

Portanto, o kit de distribuição é formado pela correia de distribuição, mas também pelos rolos tensores, os rolos de enrolar, arruelas, parafusos, nozes... incluindo, em determinados modelos, o kit de distribuição também inclui a bomba de água.

Porque razão há que substituir periodicamente o kit de distribuição?

Ao tratarem-se de peças elásticas que se vão desgastando, a vida útil do kit de distribuição é limitada.

A rotação do motor e a grande energia que este transmite pode provocar que a correia se distenda ou que alguma sistema de vedação perca propriedades. Por essa razão é necessário mudar os componentes de tempos a tempos.

Além disso, se a correia se romper ou deixar de engrenar as rodas dentadas da cambota por falta de tensão, o motor poderia sofrer danos irreversíveis. Por isso, ainda que muita gente tente alargar os períodos de manutenção, é uma questão que não poderá nunca deixar-se de parte.

Por outro lado, ainda que sinta a tentação de substituir só as peças mais desgastadas, é sempre conveniente substituir o kit completo de cada vez.

Distintos tipos de kit de distribuição

Nem todos os carros têm equipado os mesmos tipos de distribuição. Destes tipos de kits de distribuição derivam as diferentes manutenções a realizar.

Correia dentada

Trata-se da forma de distribuição mais comum. Já que se trata de um elemento fabricado com borracha sintética e fibra de vidro, o desgaste a partir dos 80.000 quilómetros pode ser notável (não se deve circular com a mesma correia mais de 120.000 quilómetros).  

Transmissão por corrente

Visto ter sido fabricada com materiais metálicos, a corrente dura muito mais tempo que a correia dentada.

Porém, ainda que a manutenção se prolongue por muito mais tempo, é possível que a corrente estique e se alargue, o que aumenta bastante o ruído do motor.

Comprar kit de distribuição barato

Se quer comprar um kit de distribuição barato, recomendamos que navegue por esta secção. Nela encontrará os melhores kits a um preço verdadeiramente imbatível, pelo que a sua factura final baixará bastante.

E se tiver dúvidas sobre qual é o modelo adequado de kit de distribuição, ou se precisar de mais esclarecimentos, consulte o nosso mecânico por e-mail para info@endado.com ou por telefone para o +34 91 661 02 06. 

Outros termos para nos referirmos a Kit de distribuição

Kit de distribuição, distribuição